terça-feira, 20 de setembro de 2011

MISSÕES - Relatório II - Moçambique/Àfrica

Paz,


   Estamos muito felizes com tudo o que o Senhor vem realizando aqui através de nossas vidas. Domingo realizamos o culto vestidas de capulana, e com os tambores que adquirimos, foi uma festa, muitos jovens presentes, muitos deles alunos de futebol do pastor Clarismundo, que aqui é conhecido como Mister.
   Tivemos a presença de uma mamã Moçambicana, a qual passava pelas proximidades e fora convidada a entrar, ela entrou e ficou muito feliz de participar do culto. Tomamos seu nome e endereço para visitá-la posteriormente.
   Para as crianças apresentamos um teatro de fantoches e muitos doces, ficaram muito encantados com tudo pois nunca viram um teatro de fantoches. A tarde estivemos visitando uma irmã que é psicóloga e vive por aqui, e jantamos em sua casa também foi uma festa.
   O que mais nos impactou esta semana foi a visita que fizemos a uma escolinha aqui próximo, onde a irmã Vera presta serviço voluntário, para começar a escola é toda feita de caniço, um bambuzinho fininho. As salas não comportam  todas as crianças, pois são pequenas, e as mesas são para 3 crianças, logo quando chegamos elas já estavam retornando para casa, as fizemos retornar mais ou menos umas 200 crianças, começamos a cantar e usar os tambores, e as levamos para uma sala para contarmos histórias, mas como estava muito apertado, abriram a um galpão também de caniço, porem bem maior e que nos possibilitou contar as histórias para as crianças, utilizando os fantoches, o que mais me impressionou foi o silêncio de todas aquelas crianças, admiradas e curiosas com o fantoche que perguntava as crianças e elas respondiam. Próximo passava uma "vala" com águas muito sujas, da qual era retirada a água para beberem, o lixo é comum, no chão, as crianças sujas, com roupas rasgadas e pés descalços é comum, narizes com coriza, sem falarmos que muitas ali são vítimas de violência física e sexual.
   Levamos aquelas crianças a cantarem, musicas como entra na minha casa, e musicas em sua língua "changana", cantam com muita alegria e melodia, onde se ouvem todas as vozes, terminamos a reunião com oração, e entregamos doces para todas.
  Foi um dia muito prazeroso para todos nós. Enquanto nosso grupo estava na escolinha, outro grupo fora visitar uma alemã que mora por aqui, a qual fora casada com um moçambicano, e atualmente se encontra só, e necessitada de apoio da igreja para se firmar. Cada irmão deixou uma palavra de vitória para ela, que se sentiu muito feliz com a visita.
   Também visitamos algumas pessoas com quem já tínhamos tido uma primeira conversa, aquela senhora que estivemos em sua casa e o demónio se manifestou, voltamos lá, e ela com alegria nos recebeu, e também tinha uma jovem amiga também lá, ministramos em sua casa louvor e orações, mais uma vez o inimigo quis se manifestar, mas ele foi mais uma vez envergonhado, descobrimos que aquela senhora participava de uma seita chamada "mazione", que mexe com feitiçaria. Ficamos de buscá-la na quinta-feira para o culto da noite.
  Hoje estamos em uma escala de oração ininterrupto para que todas as barreiras caiam por terra.
   Continue orando por nós, pois necessitamos de sua cobertura em oração.

Que as bênçãos do Senhor esteja sempre presente em sua vida.


Equipe da Missão Semear.

Um comentário:

Adoradora Kary Moura disse...

estaremos unidos em um só proposito.. em só uma causa.. Deus vos abençõe...

Você está preparado?

Loading...

Clipe: Eyshila Até Tocar o Céu

Loading...